Forte de Al-Jalali


registo | recuperar

Forte de Al-Jalali

Adicionar ao meu Roteiro


Tipologias: Pontos de Interesse | Locais
Categorias: Fortes

Descrição

Juntamente com o Forte de Al-Mirani, constituem os “fortes gémeos” que defenderam o porto e a cidade comercial de Mascate de ataques navais externos. Foram ambos construídos em 1552 a partir das ruínas de uma antiga fortificação islâmica, com diversas escadarias para confundir o invasor.

Forte Aljalali (em árabe: قلعة الجلالي‎) ou Forte Oriental (em árabe: الشرقية‎ قلعة) é um forte no porto em Velha Mascate, em Omã. Foi erigido pelo Império Português por ordem do rei Filipe I (r. 1581–1598), entre 1586 e 1588, para proteger o porto depois de Mascate ter sido saqueada duas vezes por forças otomanas. Em 1650, caiu às forças omanis. Nas guerras civis entre 1718 e 1747, foi capturado duas vezes por persas convidados a apoiar um dos imames rivais. Depois, sofreu extensa reconstrução.

Por várias vezes, serviu como refugiu ou prisão para membros da família real. Em grande parte do século XX foi usado como a principal prisão de Omã, contudo esta função terminou durante os anos 70. Foi restaurado em 1983 e convertido num museu privado de história cultural de Omã, e seu acesso está reservado apenas a dignitários que visitem o país. As exibições incluem canhões, velhos mosquetes e fechos de mecha, mapas, carpetes e outros artefactos.

Fonte: Wikipedia